Título Imperdível de Artigo no Correio Brasiliense:


Eleições no Titanic

Carlos Marcelo
carlos.marcelo@correioweb.com.br

A partir de amanhã o Partido dos Trabalhadores elege uma nova — ou velha — direção. Conduziu o processo sucessório em simultaneidade com os devastadores desdobramentos das revelações das estripulias cometidas — e permitidas — por Delúbio, Silvinho, Dirceu e Genoino (sobre este último, uma rápida constatação: jamais deveria ter deixado a Câmara dos Deputados para tentar o governo de São Paulo.

Teria evitado a divisão Greenhalgh/Virgílio e seria o presidente da Casa no lugar de Severino. Agora, no Congresso, apenas para depor em CPI e receber o humilhante desagravo dos antigos colegas). No Titanic vermelho, foi necessário preparar um jantar de gala enquanto a água inundava a casa de máquinas.

<< Home