Telemar, Trevisan, BR-Telecom e a Empresa do Filho de Lula


A Telemar comprou sociedade com empresa do filho de Lula, apresentada pela Trevisan, por um preço a vista maior do que Br-Telecom compraria a prazo. E depois o Governos quis que a Telemar assumisse a Br-Telecom.Antes a Br-Telecom tinha arcado com parte das despesas de viagem do filho de Lula.

Estado de SP.
1. "Tenho uma séria desconfiança de que o Citi e os fundos tinham como objetivo transferir o controle da empresa à Telemar, numa articulação empresarial e política", acusou.

2. No depoimento ontem às CPIs dos Correios e do Mensalão, o banqueiro Daniel Dantas admitiu ter tentado comprar participação na Gamecorp, produtora de vídeos sobre jogos eletrônicos que tem entre seus sócios Fábio Lula da Silva, filho do presidente Lula da Silva. O preço pedido pela Gamecorp foi considerado alto pela Brasil Telecom, da qual o Banco Opportunity, de Daniel Dantas, é um dos sócios. A negociação acabou sendo fechada com a Telemar, por R$ 5 milhões. O banqueiro contou, também, que a Brasil Telecom pagou despesas com refeições em viagem feita por Fábio Lula ao Japão para a compra de novas tecnologias. "Houve extensa negociação da Gamecorp com a Brasil Telecom. Mas o preço pretendido era alto", afirmou Dantas, sem mencionar o valor. O presidente da Brasil Telecom, Yon Moreira da Silva, seria o responsável direto pelas negociações. A Telemar, concorrente da Brasil Telecom, acabou comprando 35% das ações da empresa de Fábio Lula e pagou pela transação R$ 5 milhões, em janeiro. Foram R$ 2,5 milhões para a compra de 35% das ações da Gamecorp e outros R$ 2,5 milhões para adquirir com exclusividade os serviços da empresa.
Blog do Cesar Maia

<< Home