PT: Agudo Processo de Degeneração!

Editorial da FSP.

As práticas ilícitas e o despreparo político-administrativo saem premiados. O mesmo grupo político hegemônico no PT que se mostrou incapaz de expulsar o ex-tesoureiro -e "réu confesso"- Delúbio Soares, que manteve quadros como Waldomiro Diniz e Silvio Pereira (premiado com um jipe de luxo por um empresário que tinha negócios com a Petrobras), que se mostrou incapaz de organizar eleições internas livres de clientelismo e compra de votos segue incumbido de ditar as diretrizes do partido.
E com um benefício: o desligamento de dissidentes há de tornar a resistência menor. Sem condições políticas de apresentar candidato próprio à sucessão da Câmara, tendo agora perdido a condição de maior bancada para o PMDB, o PT não demonstra ter encontrado força interna para mudar esse quadro agudo de degeneração.

<< Home