O PT e Marcos Valério: Intimidade... Sempre


Lembrando: matéria da Veja sobre Correios começou em 14 de maio de 2005! Entrevista de Jefferson à FSP foi dia 6 de junho!

Folha de SP.

A CPI também detectou mais de 240 ligações, de setembro de 2004 a junho de 2005, entre a sede nacional do PT e a SMPB Comunicação, de Belo Horizonte (MG), empresa de Marcos Valério responsável pela maioria dos saques no esquema do caixa dois. Essa seqüência prejudica a versão apresentada até aqui por Delúbio e Marcos Valério.

Segundo ambos, o último repasse de dinheiro do caixa dois do PT ocorreu em setembro de 2004. As listas de telefonemas em poder da CPI revelam que os contatos entre a SMPB, Delúbio Soares e ramais da sede nacional do PT, em São Paulo, eram feitos algumas vezes por meio de telefones celulares registrado em nome de Orlando Martins, chefe dos office-boys da SMPB. Entre 5 de maio e 29 de junho de 2004, de um celular em nome de Martins partiram 15 chamadas para o celular de Delúbio, num tempo total de oito minutos de conversação.

<< Home