Marcos Valério na PF entrega Janene e Gomes

Estado de SP de domingo-Primeira Leitura-Trechos.
"Na reta final para definir seu futuro político no Congresso, os deputados José Janene (PP-PR) e Vadão Gomes (PP-SP), acusados de participar do esquema do mensalão, tiveram sua situação agravada ainda mais pelo último depoimento do empresário Marcos Valério Fernandes de Souza à Polícia federal. No depoimento, ao qual o Estado teve acesso, Marcos Valério revelou que Janene foi o responsável pela indicação da corretora Bônus-Banval para intermediar pagamentos dele ao PT. O empresário afirmou ainda que o dinheiro remetido à corretora também foi repassado ao PL e ao PP. Sobre Vadão Gomes, Valério revelou, também no depoimento, prestado ao delegado da Polícia federal Luiz Flávio Zampronha, que fez vários pagamentos pessoalmente ao deputado. O total desses repasses soma R$ 3,7 milhões. O novo depoimento amplia as revelações feitas por Valério sobre os dois deputados que, até então, apostavam numa absolvição na votação secreta que ocorrerá no plenário da Câmara. Até então, Valério se limitara a dizer que Vadão era um dos sacadores de recursos. Sobre a relação de Janene com a Bônus-Banval, Valério também nunca tinha feito referência."

<< Home