Mais Trevisan!


Folha de SP - 28/9/2005:

Ministério Público instaura inquérito para apurar se auditoria foi omissa em balanço do banco; ela nega

Trevisan é investigada por ação no Banco Santos


O Ministério Público Estadual instaurou um inquérito civil para apurar se a Trevisan foi omissa na auditoria que fez no balanço do Banco Santos de 30 de junho do ano passado. Esse balanço apontava um lucro de R$ 46,6 milhões. Em 12 de novembro do ano passado, quando o Banco Central interveio na instituição, a estimativa inicial era de que o buraco era de R$ 700 milhões. Em maio deste ano, quando o BC decidiu liquidar o banco de Edemar Cid Ferreira, o rombo foi recalculado em R$ 2,2 bilhões.

A investigação instaurada pelo promotor Alberto Camiña Moreira parte do inquérito feito pelo Banco Central, um documento com mais de 150 volumes. Na folha 23.065, do volume 152, os técnicos do BC registraram que a empresa de auditoria "incorreu em falhas e omissões por ter emitido parecer sem ressalva daquelas demonstrações financeiras".

<< Home