Gushiken Depondo


Depois de muitos depoimentos, os novos depoentes já vêm muito melhor instruídos. Já ouviram depoimentos e se prepararam para justificar o que foi dito. Gushiken sofismou com números de publicidade deixando de lado os gastos das empresas, e comparou com o orçamento geral que inclui juros de política monetária.

Parlamentares, até aqui, se esqueceram que por decreto de Lula, Gushiken centralizava a aprovação de todas as contas de publicidade, do governo e empresas. Fica claro que a intimidade de Gushiken com os Fundos de Pensão, não é só técnica. Foi ele que nomeou Walter Pinheiro para um grande fundo de pensão. Não soube esclarecer o depoimento de Pizzolato que disse que ele, Gushiken, era consultado em decisões do Previ-BB.

Justificou como normal parente seu conseguir publicidade do governo em revista da qual ele já foi dono e consultoria da qual ele foi sócio.

Duas informações novas surgiram de parlamentares: 1) que Daniel Dantas pagou viagem de filho de Lula ao exterior, e, 2) que desconto de publicidade conseguido para publicidade do governo foi apropriado pela agência de Valério, e não pelo governo. A CPI entra na terceira hora.

Blog do Cesar Maia

<< Home