Extra do Noblat


Neste exato momento, em um hotel de luxo da cidade de São Paulo, os senadores Delcídio Amaral (PT-MS), presidente da CPI dos Correios, e Ideli Salvatti (PT-SC) estão reunidos com um dos maiores empresários do país na área de construção e de informática. Receberam dele há pouco documentos que provariam uma falcatrua da ordem de 100 milhões de dólares ocorrida em 1999 na Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. Na época, o ministro das Comunicações era o mineiro Pimenta da Veiga, e o presidente da República, FHC, ambos líderes de expressão do PSDB. A falcatrua teve a ver com a construção e a compra de equipamentos para centros de distribuição dos Correios em vários Estados.Quem teve acesso aos documentos antes deles serem entregues aos dois senadores, garante: pegaram os tucanos.

Blog do Cesar Maia

<< Home