Doença de Chefe da Casa Civil: Não Sabe, Não Viu, Não Ouviu!


Entrevista da ministra Dilma ao ESP.

O governo foi acusado de ter recebido notas frias. A F R Representações disse à CPI que não forneceu nada para a Presidência.

Não temos informações de que as notas são frias. Abrimos sindicância. A FR é registrada como empresa de fornecimento de material de escritório na Secretaria da Receita Estadual.

Na Federal, é empresa de alimentação. Agora, material de escritório, o que a nota mostra, ela forneceu aqui, na Presidência, seguramente desde 2000.

Em 2000 também fez lavagem de tapete e restauração de estofamento. No registro, suas atividades eram amplíssimas. Mas entre isso e notas frias vai enorme diferença. O que estão insinuando é que aqui no palácio estávamos recebendo cartucho com nota fria e há uma funcionária de carreira que assinou a nota, que já trabalhava com isso e continuará trabalhando.

E o cartão corporativo?

O cartão é outra coisa. É uma inovação correta que foi implantada em agosto de 2002 para diminuir o manuseio do dinheiro ou do cheque. E foi sacado muito dinheiro porque se criou um limite. Só pode sacar R$ 1 mil de cada vez, com limite de R$ 5 mil ao dia. Houve aumento também porque 70% é hospedagem e transporte, que aumentou.

<< Home