CNBB Publica Documento Para o dia 7 de Setembro


Abaixo trecho que trata da reforma política. O uso amplo de plebiscito é arma perigosa. É o instrumento dos ditadores, dos imperadores. O uso da democracia direta, da mesma forma.

Garante-se a representatividade através de associações diversas? É um debate delicado que não se resolve magicamente. A participação é um processo, não um momento.

Trecho relativo à Reforma Politica.


Um clamor específico está emergindo em meio a esta crise: uma radical reforma do atual sistema político. Não podemos deixar passar este momento sem realizar uma profunda reforma política. Precisamos assegurar a fidelidade partidária, aprimorar os institutos da democracia representativa e favorecer a democracia participativa e deliberativa. O Projeto de lei, em tramitação no Congresso Nacional, para a regulamentação do Art.14 da Constituição Federal, nos oferece esta possibilidade de participação por meio de referendos, plebiscitos e conselhos, em todos os níveis de decisão.

<< Home