Carlos Chagas Já Falou Sobre Marcos Valério Ano Passado


Artigo de Carlos Chagas em 28/02/2004!

E Dirceu não tem nada com isso?

Marcos Valério já era citado! E malas também. Carlos Chagas deporia à CPI?


A preocupação do presidente anterior, José Dirceu, e do atual, José Genoíno, passou a ser como administrar a bolada, cujo montante, para dizer a verdade, só uns poucos conhecem. Mas é muito grande. Quem passou a sofrer foi o diretor-financeiro do PT. Delúbio Soares jamais pensou em tornar-se banqueiro ou investidor no mercado. Assim, para ajudá-lo, foi buscar um operador profissional, encontrado na pessoa do publicitário mineiro Marcos Valério, da SMP&B, de Belo Horizonte. Agência, por sinal, aquinhoada em 2003 com contratos de publicidade no valor aproximado de 150 milhões de reais, provindos do Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Correios e Petrobrás.

Há algum tempo, a capital mineira funciona como uma espécie de caixa central do PT, de onde flui numerário bastante para as despesas partidárias, agora com ênfase para as campanhas de outubro. No caso, até servindo a outros partidos, como o PP, PL e PTB, cujos emissários, não raro, deixam o aeroporto da Pampulha com malas recheadas, em espécie. É claro que tudo ocorre sob a férrea fiscalização dos dirigentes do PT. José Dirceu e José Genoíno são informados de cada repasse. Dispondo de recursos como nunca dispôs, o PT imagina alavancar as candidaturas de seus candidatos em todo o país.

<< Home