Resumo: SARNEY IV


1. Afonso Arinos alertava e rejeitava a idéia de transformar Congresso em Constituinte, ou convocar uma nova Constituinte e chamava este expediente de "barbarismo jurídico". (CM: Aqui Sarney usa Afonso Arinos para discordar das sugestões que circulam de convocação de uma nova Constituinte, mesmo que limitada. Paulo Boanvides em entrevista a FSP, expôs a mesmo tese).

2. Para Afonso Arinos o voto proporcional enfraquece politicamente o Congresso. Nada se pode fazer de durável, de impessoal, de construtivo.

3. CM: Sarney eleva e abre o debate. O conteúdo das propostas é para ser debatido. Sarney presta o melhor serviço ao país desfulanizando a discussão e desconflituando as abordagens. Por isso seu discurso/documento está linkado no blog.

(tarde)

<< Home