Plebiscito das Armas


O que se imaginava que seria um passeio a favor da proibição do comércio de armas, já não é mais, e preocupa o grupo que lidera este lado do plebiscito. De um lado, aumenta o número dos que acham o plebiscito simplista. Até na reunião do PV a decisão ficou em suspenso.

Por outro lado a crise política não ajuda o plebiscito. E prejudica o voto a favor da proibição, pois parece que significa impunidade.

Finalmente as novas regras eleitorais aprovadas hoje no senado afetam o palnejamento de marketing que tinha sido planejado. Caminha-se para não se saber qual será o resultado deste plebiscito.

(noite)

<< Home