Isto É 2


O homem-bomba do Partido Progressista, o deputado José Janene (PR), vai ser detonado por dentro.

Um ex-sócio de sua estreita confiança, o advogado Eduardo Alonso de Oliveira, indiciado,
junto com Janene, no escândalo que levou à cassação do ex-prefeito de Londrina Antônio Belinatti, quer contar tudo o que sabe ao Ministério Público e ao Congresso. Coordenador das campanhas de Janene a deputado federal e diretor da empresa de ônibus que o líder do PP possui em Ji-Paraná (RO), Alonso deve destroçar o último pilar de segurança que sustenta o parlamentar. Embora Janene se considere imune às CPIs que proliferam em Brasília, as revelações que Alonso faz ajudam a explicar como o deputado saiu do limbo do PP malufista para a glória iluminada do PT lulista. Alonso conta que Janene montou uma versão municipal do mensalão. E aguça a gula da CPI, ao relatar a incrível história de uma frustrada viagem de três dias a Miami, com um bebê de três meses, para sacar US$ 1 milhão da conta de Janene.

<< Home