Eleições: Agências em Pânico


As agências de publicidade, marqueteiros et caterva, estão em pânico só em pensar que mudanças na lei eleitoral poderiam levar as campanhas na TV para dentro dos estúdios -sem externas, com simples depoimentos exclusivamente dos candidatos. Estima-se que em 2006 isso produziria uma redução no faturamento delas em uns 500 milhões de reais em recursos republicanos e não republicanos.

(noite)

<< Home