Como no Reino Animal : Acuado Ataca


FSP.


BURATTI:
Os dois dias que eu fiquei preso serviram para eu refletir que eu já estava isolado. Foram dois dias comigo mesmo onde eu estive exatamente sozinho pensando exatamente comigo. Daí eu percebi que eu já estava exatamente sozinho há bastante tempo. Então, eu resolvi continuar sozinho do lado das pessoas que eu respeito e que me querem bem.

A IRMÃ :
Rosângela, demonstrando abatimento, afirmou que o irmão não pode ser único responsável pelas irregularidades das quais é acusado. Segundo ela, Buratti tem que ser punido, mas não sozinho. "Se o Rogério estivesse jogando lama, ele estaria jogando desde o começo. Mas ele ficou quieto até agora", disse ela, em tom indignado, e acrescentou: "Ele resolveu falar porque foi vergonhoso [colocá-lo como único culpado]. Por que só ele? Chega, né? Se ele tiver que pagar, que seja assim, mas que não seja só em cima dele. Sozinho não pode".

BURATTI :
"Na hora em que apareci na jogada, e que o Palocci, ministro, deu aquela declaração infeliz de que não sabia quem eu era, que eu tinha sido um funcionário dele, servido ao lado dele e que tinha sido demitido num episódio ruidoso -era assim que dizia a nota-, e que de lá para cá nunca mais me viu, aí o que os caras [jornalistas] pensaram: "Vamos atrás, né? Tem coisa aí'", disse Buratti a um interlocutor identificado como "Ênio".

(manhã)

<< Home